Freguesias Construção da nova Junta de Vermoim decorre “a bom ritmo”Economia A Praça já abriu na InternetAtualidade Famalicão celebra 25 de Abril com sessão solene onlineEconomia Famalicão lidera investimento industrial na regiãoDesporto Famalicão sensibiliza para a ética no desportoEducação Câmara avança com obras de remodelação e ampliação na pré-primária de BairroSaúde Paulo Cunha em ciclo de conferências da CESPUAtualidade Comércio da Vila é o novo “centro comercial” de FamalicãoMobilidade Está aberta ao público a Via Ciclo Pedonal entre Famalicão e GondifelosFreguesias Ampliação e modernização do cemitério de Gondifelos honra a memória de quem parteEconomia Temos Praça!Câmara Reunião Municipal de 04/03 com transmissão em diretoCâmara Município promove webinnar sobre utilização do novo balcão de atendimento digitalCultura e Turismo Famalicão chama jovens músicos para estágio em orquestraMobilidade Câmara e ACP promovem ciclo de formação sobre educação e segurança rodoviáriaMobilidade Reativada a utilização do Passe Sénior FelizAtualidade Câmara de Famalicão abre candidaturas aos Selos Visão’25Câmara Apoios para fixar jovens e premiar bombeiros voluntários Cultura e Turismo O “Discurso Silencioso” de Jorge Pinheiro na Ala da FrenteDesporto Famalicão lança plano para a retoma da atividade físicaCOVID-19 Centro de Vacinação Covid 19 de Famalicão já vacinou mais de 14 mil pessoasEducação Famalicão conclui processo de remoção de fibrocimento nas escolas do concelhoCâmara Famalicão prevê conclusão do PDM em 2022Cultura e Turismo Candidaturas ao Prémio de História Alberto Sampaio decorrem até 31 de maio
O SEU LUGAR

Residentes / Família
Reconhecimento

Um Município Amigo das Famílias

Pelouro da Família
M. Rua Camilo Castelo Branco, nº. 94 - 3º Andar
4760-127 V. N. Famalicão
T. 252 320 900

E.familia@famalicao.pt

Há oito anos consecutivos que o Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis distingue Vila Nova de Famalicão como uma autarquia amiga das famílias, reflexo do reconhecimento da excelência das políticas sociais e de promoção da família municipais.
As medidas implementadas abrangem as mais diversas áreas, desde os apoios à educação e à formação, à melhoria das condições de habitabilidade, mas também no acesso das famílias à fruição cultural e à prática desportiva.

O Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis é uma iniciativa da Associação Portuguesa de Famílias Numerosas, em parceira com Instituto da Segurança Social, tendo como principais objetivos acompanhar, galardoar e divulgar as melhores práticas das autarquias portuguesas em matéria de responsabilidade familiar.

Da educação à área social, do desporto à cultura, são muitos os argumentos que justificam este reconhecimento, não só pelas  políticas orientadas para todas as famílias do concelho, mas também pelas ações e iniciativas destinadas a agregados familiares mais desfavorecidos económica e socialmente.

No domínio da educação a autarquia tem em desenvolvimento perto de uma centena de projetos e ações para garantir que a educação seja o grande fator de coesão social do território, constituindo-se como um verdadeiro elevador social para os cidadãos e como plataforma de junção entre estes e o tecido empresarial e institucional famalicense. Entre as várias medidas promovidas, destaque para a oferta dos livros de atividades para todas as crianças do primeiro ciclo, a gratuitidade dos passes escolares para todos os alunos do concelho, desde o ensino básico até ao 12.º ano, e as bolsas de estudo aos estudantes universitários. Ainda neste domínio, Vila Nova de Famalicão é Cidade Educadora desde 2010 e, ao longo dos anos, tem realizado um trabalho sistemático na educação não formal dos cidadãos.

Na área social destaca-se o Programa Municipal “Casa Feliz” que ajuda as famílias mais carenciadas do concelho a realizarem obras de renovação das suas habitações e que apoia as famílias que mais precisam no pagamento das rendas, assim como os descontos e isenções nas tarifas de água e saneamento para as famílias numerosas e para as mais necessitadas.

Na saúde, destaque para a recente adesão do município ao programa “Saúde Oral Para Todos”.

Em matéria fiscal, é uma reconhecida mais-valia para as famílias a estabilidade fiscal do município ao longo dos anos, a fixação da taxa do IMI próxima do mínimo legal (0,35%) e a existência de um IMI familiar que atribui um desconto no pagamento do imposto tendo em conta o número de dependentes que integram o agregado familiar.

O acesso das famílias à fruição cultural e à prática desportiva tem também merecido uma atenção especial da autarquia que tem instituído o Cartão Jovem Municipal, o Cartão Sénior Feliz e o Cartão do Voluntário com descontos significativos em diversas atividades e no acesso aos transportes públicos no concelho, para além de outros benefícios.